segunda-feira, 2 de fevereiro de 2009

O meu 1ª acidente!

A culpa não foi minha!

Mas tenho de relatar que o mais preocupante foi:

"a completa ausência de medo de morrer!"...

Até agora me pergunto o porque da indiferença?!

(tenho muitos motivos para viver mas na altura não me lembrei de nenhum, faz sentido?)

by NiNA

6 comentários:

Katia disse...

primeiramente obrigada pela visita =)...volta smp k kizeres seras bem recebida =)...
n é nd estranho... a ausencia d medo d morte é prefeitamente normal... nem tds temos medo d morte...

p.s: ahhh e vais ver k vais ter um post dakeles =)

bjs bjs e tb gostei daki =)

disse...

Só tem medo da morte quem é cobarde!

Quando tinha 14 anos fiz mal uma cambalhota, 3 ossos da minha coluna chocaram e prenderam os musculos á volta, entrei em choque sem poder respirar, mas podia andar, quando fui para o hospital disseram que podia ficar paraplégica pois foi um choque muito grande mesmo abaixo do pescoço só saberia dentro de uma semana...

Durante esse tempo pensei que se ficasse paraplégica queria morrer...não porque não iria aguentar ficar assim, mas porque iria ser um peso e uma tristeza para a minha família e amigos.

Já não temo a morte, e é tão inevitável que aconteça como termos que dormir.
E tu simplesmente não o sentes, e isso é bom, pelo menos não terás os teus ultimos momentos com sentimentos de agonia e medo e poderás enchêlos de memórias e felicidades!

MASSSS....
desejo-te mais quee tudo uma LOOOOOOOOONGA e feliz vida!! x)
Deixa lá a morte ssussegadita durante umas boas decadas! x)

beijoca mosqueteira!!

Violet disse...

Quando tive o acidente não tive medo de morrer...pensei: "olha, é desta". Tive consciência apenas depois, do que podeira ter acontecido...e durou so 2 ou 3 dias. E passou.

Obrigada pela visita. Beijinhos

Prisioneira de Sonhos disse...

ok!

Achava um pouco sarcástico, até ingrato estar assim indiferente.

Ainda bem que é normal!!! lololol


Beijos tks pelos comments


***

Anónimo disse...

LOOOOOOOOOOOOOOOOOL XD

Desculpem, não vos conheço, tropecei por uma serie de blogs hj, nem sei por onde comecei.

Ia agora comentar que possivelmente o teu acidente de carro não fora de uma gravidade assim tao grande, para alem disso, esse tipo de pensamentos, suponho so nos venhao a cabeça, normalmente o nosso instinto vem um pouco ao de cima nessas situaçoes...

Mas não pode evitar de ver o comentario da "Mé"...

Bem só por acaso aconteceu-me algo parecido numa ha ja ons anos, mas foi de costas contra tres ferros e cai de cabeça no chao a seguir :p

Achei um pouco "blunt" a forma k ela abordou a questao lol mas embora não fosse expressar as coisas por esse ponto de vista: morrer morremos todos, portanto temer por ventura.. só a forma de morrer.

Prisioneira de Sonhos disse...

Hummm?!!

Porque "Anónimo" não tens blog, um nick... porque soltar no vazio?

Depende do que podemos consederar "grande" não me magoei mas vi quase o meu carro levar parede e cair numa "falésia"... lolol... achei aquilo tudo normal...lololol...

mas foi pequeno, muito pequeno para o que podia ter sido...

beijo e identifica-te não mordemos!!!

(ou talvez sim!)

lololol

Beijo!!!